Sexo depois dos 40 anos. Dicas para aumentar a libido

Sexo depois dos 40 anos. Dicas para aumentar a libido

Como anda seu sexo depois dos 40? Assunto quente 🔥 por aqui.

Perdoe a indiscrição, mas ah se eu ganhasse 1 real para cada seguidora que cita queda na libido após os 40 anos, eu estaria multimilionária com uma casa na praia, água de coco, skincare e diversão.

Por isso julgamos que esse é um assunto para lá de importante.

Se você é uma das pessoas que me deve um real, primeiro ponto que é importante frisar é que isso não acontece só com você. Combinado?

Não fica achando que a sua vizinha aí do lado é a Sharon Stone em Instinto Selvagem, porque não é bem assim. Bom, às vezes ela até seja, vai (mas a gente apostaria que não é). Então já engole as nóias aí e passamos ao próximo tópico.


Segundo ponto: A queda da libido após os 40 anos é normal. Claro que existem organismos e organismos, mas é um processo natural do ser humano que pode ter diversos fatores conjuntos como causa. Mas calma que a saída é mais simples do que parece.

Portanto, vamos cuidar dessa máquina que é nosso corpo e diminuir as possibilidades.


Existem alguns alimentos que têm um papel termogênico interessante para deixar seu corpo mais quente, com permissão do trocadilho. Aposte em pimenta caiena, canela, abacate, semente de abóbora e ostras.

Não esqueça de usar esses nutrientes para se movimentar, e procurar praticar alguma atividade física pelo menos 2 ou 3 vezes por semana.

Se atente também à qualidade do seu sono, aliado imprescindível no combate ao stress, o assassino número 1 da libido. Pare quantas vezes por dia for preciso para respirar fundo e diminuir um pouco esse batimentos aí. Que tal combinar com aromaterapia, e abusar de óleos essenciais?

Seguindo essas dicas, esperamos que você tenha uma melhor qualidade do sexo depois dos 40 anos.

E relaxa e goza, como já foi dito alguma vez.

Ps: Pode estar ocorrendo uma diminuição orgânica nas suas taxas hormonais. Nesse caso, consulte um profissional especializado para verificar essas condições e avaliar a necessidade de uma reposição ou a prescrição de suplementos adequados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.